30/11/2011

Quantos mil degraus?

Por Aline Diedrich

Que cada um saiba viver a sua loucura

Cair do telhado e quebrar a perna, jamais impediu que prosseguisse naquela busca insana por um pedaço do céu. Planejava ter uma escada tão alta, apoiada no Everest, para contar com exatidão quantas estrelas habitavam no espaço e tocar o firmamento com a ponta dos dedos.

Desde que nasceu lhe ensinaram a olhar para o alto. Jamais baixar os olhos diante qualquer desafio que a vida colocasse em sua frente. Seu paraíso era ali, o agora, o momento de incerteza e de acreditar em adivinhações tolas do futuro. Foi assim que decidiu escalar as montanhas, pular alguns muros velhos e despintados e colocar seu balanço feito de pneu em meio os prédios da cidade.

Mas por mais que subisse todos os degraus, o firmamento continuava distante. Teve a impressão de que não passava de uma ilusão de óptica, um delírio de consumo impagável, o máximo que seus olhos conseguiam ver. Mas ainda assim era azul. Azul celeste.

Olhou outra vez para o céu.

__ E aí, será que chove?

Perguntou o cara parado ao seu lado, enquanto esperavam o ônibus que estava atrasado como sempre.

Ainda precisava perder o medo de altura.

40 comentários:

  1. gostei muito do seu blog
    parabéns pela seleção dos textos
    estou te seguindo
    não esqueça de dar uma passadinha no meu!
    thedrstyle.blogspot.com

    bjos

    ResponderExcluir
  2. voce escreve bem...vou te seguir
    passa la no meu blog

    WWW.CUCHILA.BLOGSPOT.COM

    ResponderExcluir
  3. Bom texto, otima escritora, seguindo segue ai também: www.tecknews.co.cc

    ResponderExcluir
  4. Muito lindo o seu texto.

    Participe do sorteio de três livros: http://thebookofmydreams.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. É preciso ter coragem até para ser covarde. A distância que os olhos nos mostram é o que mantém sagradas certos lugares. A saudade é o que une, não separa.

    http://costabbade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Um poema travestido de conto, uma preciosidade. Gostei muito, e não precisa passar no meu blog !

    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Olá gata td bem?
    Retribuindo a visita ;)
    É vida de bloggeira não é brinquedo não rs
    Adorei seu blog Já estoou seguindo ;)
    Bjuxxx

    ResponderExcluir
  8. Ah nem preciso falar que adorei né?

    Beijos e continue assim

    ResponderExcluir
  9. nossa muito lindo esse poema, e bem verdadeiro desde que nascemos somos ensinados a ser assim.
    adorei seu blog, já estou te seguindo, te espero no meu blog
    trendluxo.com.br

    ResponderExcluir
  10. TEXTO LINDO, RÁPIDO E BEM DIRETO, DO JEITO QUE DEV SER PARA LEITORES DA INTERNET, QUE MUITAS VEZES NEM LEEM TODO O TEXTO. DE VERDADE, GOSTEI.

    --------------------

    PORTAL DA LÍNGUA INGLESA.

    www.portaldalinguainglesa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. muito bom o texto! um pouquinho confuso no final, mas é bom!

    http://rocknrollpost.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Adorei o texto muito legal mesmo...o final foi bem surpreendente...amei =)

    Seguindoo...
    http://my-literarylife.blogspot.com/

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  13. Muito bom o texto amei de verdade ótima escrita!Me visite sigo todos que me segue! bjus http://anavidadeestilista.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. O Medo da altura é difícil de perder ,mas devemos focar em subir a escada mais e mais ...
    http://andyantunes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Olá.Essa é minha primeira visita ao blog.Vi seu link em outro blog e resolvi vir conhecê-lo.Adorei seu blog e já estou lhe seguindo.Seu blog é muito bem organizado e suas postagens muito bem elaboradas.Seus textos são lindos,você escreve maravilhosamente bem!!Parabéns!Será uma honra recebê-la em meu blog.
    Te convido a conhecer meu blog e segui-lo também.Aguardo sua visitinha!
    Bjs!
    Zilda Mara
    http://www.cacholaliteraria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Nussa! amei as frases de reflexão introduzidas no texto. Seus textos são ótimos!

    ResponderExcluir
  17. Amei os seus textos!
    http://medpiger.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  18. Olá :)

    Tão lindo...
    Pois é, o que custa sonhar? Mesmo que por vezes parecemos voar bem alto, nada como uma quedinha de vez enquanto para nos trazer de volta a realidade, hehehe

    Beijinhos

    ---
    www.jehjeh.com

    ResponderExcluir
  19. Quedas no caminho são inevitáveis, o jeito é seguir em frente sempre. Afinal de contas, quem disse que a vida seria fácil?

    Que texto bonito!

    ResponderExcluir
  20. Muitas vezes a gente sonha alto mas tem medo de arriscar. Entendo perfeitamente, porque realmente é dificíl dar um passo incerto rumo àquilo que a gente desconhece.
    Mas se não perdermos o "medo de altura", os sonhos vão continuar lá, na nossa frente, porém inalcançáveis.

    Bonito texto. Gostei.
    Obrigado pela visita e comentário no meu blog. Tenha uma boa semana!

    ResponderExcluir
  21. Amei, que um dia eu possa escrever tão bem quanto você! Seus textos são os melhores de todos os blogs que sigo!

    ResponderExcluir
  22. Parabéns pelo texto, muito bom mesmo!

    ResponderExcluir
  23. Wow... Excelente! Você escreve muito bem. Adorei seu blog.

    ResponderExcluir
  24. É incrível como as pessoas que caminham ao nosso lado não percebem a imensidão de nossos sonhos, não é? Mas mesmo assim eles estão lá, crescendo e crescendo, não importa o que aconteça....
    Enquanto sonhamos, vivemos.........

    Sucesso!!
    Bj
    Pri
    http://www.mmdesaltoalto.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Ele tanto almejava as alturas, foi condicionado a isso desde pequeno...mas porque? qual o propósito de tamanha obsessão, só alcançar as alturas?

    Parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  26. Muito bom seu texto, fiquei imaginado o balanço de pneu entre os prédios... que medo, rsrsrs.

    Parabéns.

    ResponderExcluir
  27. Adorei, não gostaria de doar um pouco desse dom de escrever pra mim não? haha
    Parabéns pelo blog!

    http://prooximaparada.blogspot.com

    ResponderExcluir
  28. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  29. O medo bloqueia as pessoas. Enquanto o medo for maior que a força de vontade de vencê-lo, as pessoas continuarão sendo assim; como o personagem do texto.

    As pessoas precisam enfrentar seus medos para que seus desejos e sonhos, por mais impossíveis que pareçam ser, possam um dia, se tornarem reais.

    Tem um trecho de uma música do Celso Blues Boy que diz: “os meus sonhos nunca são verdade”. Comparo este trecho com o teu final “ainda precisava perder o medo de altura”.

    Talvez subir esta escada nunca foi o verdadeiro sonho do personagem, provavelmente o desejo dele era que o ônibus não atrasasse todos os dias...

    ResponderExcluir
  30. Demais. Bem interessante. hehe
    Parabéns pelo Blog, pelo post, por tudo. Está magnífico. (;

    Estou seguindo sem medo. Eis o meu Blog: http://papeldeumlivro.blogspot.com/

    Abração.

    ResponderExcluir
  31. Blog ótimo. O texto falou tudo, não podemos ter medo de sempre lutar;

    ResponderExcluir
  32. Precisamos arriscar sempre, independente dos nossos medos; a gente volta e reescreve a história se for necessario!
    :D
    Lindissimo!
    Encantada!

    ResponderExcluir
  33. Putz, estava um tempinho sem ler seus textos! Matei a saudade! Estou passeando por aqui! Beijos
    http://escritordanoite.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  34. Achei que tinha parado de escrever devido ao tempo que ficou sem postar. Fico feliz que não o tenha feito. Como sempre esse teu texto está maravilhoso. Eu adoro o jeito como você escreve, simplesmente me encanta. Você disse tudo aí em cima, não podemos parar de lutar por algo que desejamos, devemos sempre tomar coragem e arriscar. Se ficarmos parados as coisas simplesmente não acontecerão.

    ResponderExcluir
  35. Gostei do seu blog... =D

    http://atalaia2011.blogspot.com/2011/12/igreja-catolica.html

    Abraço!

    ResponderExcluir
  36. Lindo texto.
    Ás vezes por medo deixamos de fazer muitas coisas, mesmo que sejam coisas simples.
    Obrigada por comentar no nosso blog.
    Feliz natal e próspero ano novo.
    Equipe Próxima Parada.
    http://prooximaparada.blogspot.com

    ResponderExcluir
  37. Gostei do texto e do blog, o importante da história é que ela continuou.
    Beiijos:)
    http://cartasp-voce.blogspot.com/

    ResponderExcluir