03/10/2011

Sonhos que se sonha acordado


Por Aline Diedrich

Chovia muito naquele anoitecer. Balançou o guarda-chuva antes de fechá-lo e entrou no lugar com as botas encharcadas, deixando seus passos marcados no piso. Ele, com as pálpebras pesadas e ofuscadas pela luminária em cima da mesa, cujos papéis estavam espalhados, a observou e precisou de alguns segundos para voltar à realidade, porque estava perdido em alguns desses sonhos que se sonha acordado.

__ Eu vim em busca da caixa que guarda os sonhos.

Ele levantou de impulso, fazendo a cadeira bater contra a parede e ajeitou os óculos, antes de se aproximar, na tentativa de ver melhor todos os traços daquele rosto curioso e quase perfeitinho. Ela tirou o capús que escondia os cabelos, soltou o guarda-chuva provocando um barulho que se confundiu com o estrondo dos trovões, enfiou uma das mãos no bolso e sorriu.
O rádio chiava e estava um pouco escuro.

Ele, quieto como se um gato tivesse comido sua língua e arrepiado com o vento frio que invadia o local pela porta, viu-a se afastar. Ela caminhou por entre as prateleiras, deixando marcas de seus dedos nos objetos empoeirados do antiquário. Analisava alguns deles. Tudo velharia, pensou.

Abaixou-se. Surpresa. Arregalou os olhos. Havia encontrado as caixinhas que tanto procurava. Ele parou ao seu lado, ajoelhado no chão sem compreender de que sonhos ela falava e desde quando era possível tocar em fantasias. Ela tirou a tampinha da lata enferrujada. Decepcionou-se por nada encontrar. Depois da outra, onde ouviu uma música estranha, enquanto a pequena bailarina rodava sem tontear. Então pegou aquela que estava escondida atrás, pitoresca e colorida. Assustou-se com o palhaço que saltou de dentro e ficou se movimentando, buscando equilíbrio na mola que não parava de balançar.

Ele riu, enquanto os raios clareavam lá dentro e iluminavam os olhos decepcionados dela. Ela levantou-se e o ajudou a levantar-se também. Ele disse que já estava tarde e se não quisesse continuar sua busca pela caixa que guardava os sonhos, poderia pagar um café.

(Esse conto é uma sequência do: A Caixa que Guardava os Sonhos)

41 comentários:

  1. que texto lindo, é de algum livro?
    http://seriesbooksmovies.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Aline, o texto é quase tátil. A descrição dos objetos e sons à volta nos inserem dentro de um ambiente qua funciona. Muito bom. De coração.

    ResponderExcluir
  3. Aline, como é roteirista, sua opinião me interessa, quando eu falir com todas as possibilidades de ser cronista... talvez me torne roteirista... talvez não:

    http://neoquiproquo.wordpress.com/2011/09/13/um-dia-em-woodstock/

    ResponderExcluir
  4. você escreve quase como um sonho, amo isso aqui =))

    beijos!

    ResponderExcluir
  5. Nossa, muito bem escrito, me sinto vivendo o que você escreve, de tão real que fica teus contos. Realmente, mais um bom conto, contado de uma maneira perfeita, com todas as palavras usadas em seu momento certo. Você tem talento e é claro que já sabe disso, então, se mudar, mude pra melhor...! Abraços!
    http://lollyoliver.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  6. Olá LineLine
    Teus textos faz eu viajar acordada xDDDDDDDDDDDD
    Imaginando o local, os sons, sentir quase também, é divertido :)

    beijos

    ResponderExcluir
  7. Incrível, eu amo histórias em que eu consigo me imaginar sendo a personagem das histórias, vc é ótima!

    ResponderExcluir
  8. Lindo texto! Ah, que foto linda a sua :)

    Beijo
    http://www.garotasdizem.com/

    ResponderExcluir
  9. Esse texto é realmente incrível.
    Eu gostei,de verdade.

    ResponderExcluir
  10. lendo novamente, vejo sempre uma nova coisa linda.. seus personagens são quase gente como a gente, e isso aproxima a gente à você =))

    ResponderExcluir
  11. Blog muito lindoo, parabéns
    Tudo sobre moda no #ItsMonter: http://itsmonter.blogspot.com/ @itsmonter

    ResponderExcluir
  12. meninaaa, vc eh uma inspiração pra mim...
    fazia tempo que nao passava por aqui.
    que conto lindo, adorei demaaaais!!! quero ver os outrooos.
    e heim, me visita lá tbm, faz umas postagens que nao te encontro...
    bjinhos
    http://perguntaporque.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Muito bom, curti seu jeito de escrever, é legal esses contos que tem continuação, bem meu estilo também. Da uma olhada la... até!

    http://rickyoz.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Consegui visualizar a cena toda. Tão perfeita foi a riqueza dos detalhes...

    ResponderExcluir
  15. UUUooooww muito bom show (y)
    ------
    http://thesordem.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Achei bastante interessante, principalmente pelo fato de você ter sido capaz de caprichar nos detalhes.

    ResponderExcluir
  17. a forma como vc descreve faz até a gente viver a cena. rs
    Parabéns!

    http://seeufosseallice.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  18. muito bom o texto, a descrição do local faz com que nós leitores entenda mais!
    amei!!!
    http://aquelejeitoc.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Como sempre teus textos são ótimos! Só li uma parte, mas depois volto pra ler qdo tiver mais tempo. Sou teu seguidor nº1! kkk. Beijos e sucesso.
    Se poder, da uma passada laá;

    Diogopensamentos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Esse conto é o típico conto que pode ser classificado como delicioso de se ler. Quando dei por mim, estava sorrindo ao final do texto! Adoro seu blog, visito aqui sempre por vontade de ler o que vc tem a dizer!

    ResponderExcluir
  21. Quer achar algo específico na cidade? Quer divulgar seu serviço GRATUITAMENTE no maior portal de anúncio da cidade? Acesse:

    http://www.achadoseservicos.com.br

    ResponderExcluir
  22. Muito bom! Queria ter esta facilidade de escrever! Vc é o cara ( no sentido legal da coisa)

    beijos

    http://escritordanoite.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. Adorei :)
    Seus textos me fazem querer esta na história sabe?
    Fascinante :)

    Beijos e tudo de bom

    ResponderExcluir
  24. oi amiga como voce ta ?
    muito bom seu blog, dsign, postagens adorei
    to seguindo segue tanbem ?
    se quiser aceitamos parcerias
    bjao

    ResponderExcluir
  25. Lindo seu texto, acho que já lhe falei que em certa época eu escrevia coisas parecidas, cheias de descrições e etc. E realmente acho esse tipo de texto muito agradável. Parabéns o Blog tá demais. Beijos!

    ResponderExcluir
  26. Ain quye texto tudo, amei, é vc mesmo que escrevi? se for parabéns!!!
    Seguindo aqui, se puder passa lá?
    Indo

    http://nacaoesmaltada.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  27. uma vez sonhei que estava dormindo sonhando que estava acordado. Quando eu acordei, eu estava dormindo

    ResponderExcluir
  28. Oi!
    Que lindo texto, eu também vi a primeira parte. Meus parabéns pelas palavras e também pelo seu blog.
    Já pensou em escrever um livro?

    Abraços.

    ResponderExcluir
  29. LINDO TEXTO PARABENS !!!

    O MEU É http://adamlevinebrasil.blogspot.com/

    VISITA LA BJUUSS

    ResponderExcluir
  30. Que texto mais lindo!!!
    Gostei muito .
    Estou te seguindo *-*

    ResponderExcluir
  31. Que texto lindo, fez com que eu pudesse enxergá-los e buscar compreensão em cada ato. Lindo! Beijos! É seu o texto?

    ResponderExcluir
  32. Com tanta riqueza de detalhes teus textos me fazem pensar que tudo realmente aconteceu.
    parabéns

    ResponderExcluir
  33. Esse texto tempo nos faz agente sonhar lutar por aquilo que é nosso hj estou inspirado querida vc escreve textos que nos emocionam que nos elevam ainda mais a minha auto estima
    mais uma vez parabens viu?

    grato

    junior

    ResponderExcluir