27/04/2011

Desapegos


Por Aline Diedrich

Ela o olhava, distante, curiosa e com certo receio. Em volta, meninos e meninas pareciam iguais, quase nus. Mais alguns passos. Afastou-se. Percorreu ruas e ruas. Quase nada. Somente tribos. Somente qualquer coisa que a antropologia pudesse explicar.

Em volta, os gênios estavam oprimidos. Os diferentes reprimidos. Os iguais, toleráveis, sempre juntos. Os injustos nunca punidos. Estranha, ela era. Vestia-se de jeito comum. Andava como queria. Falava sem pensar e às vezes pensava demais. Fazia trocadilhos. Engolia seu próprio sarcasmo. Dançava sons diferentes. Até tentava compor.

Não gostava de usar palavrão, embora também, por vezes, fosse um pouco vulgar. Contraditória. Gritava sem ter um motivo. Amava alguém que nem parecia ser tão anormal. Julgava. Era julgada. Apostava. Nunca se entendeu muito com a tal da certeza.

Não tinha dons. Não se encaixava em quase nada. Não tinha rótulos, ainda que rotulasse e decifrasse alguns códigos de barras.

Perdia o trem. Atrasava-se. Comprou um relógio de camelô. Cinco ou 10 “pila” no bolso. Um chocolate crocante. Um vício. Muitas virtudes.

Empurrada pro centro do universo. Pretendia continuar habitando aonde sua mala chegasse. Errante, não. Tentava fazer o certo, por mais errado que tudo pudesse parecer. Afinal, ela e um pouco dos outros, somente aparências... Por dentro podia ser outro alguém. Por hora, era só aquilo... Voltaria, um dia, para rever os estranhos.

Dominava o desassossego da razão.

Sua liberdade era o desapego.

25 comentários:

  1. Pow, mto bom esse texto. Mensagem linda e bem escrita.
    È autoral ou ficção??
    Bom, sendo qualquer um dos dois, o importante é que a leitura valeu a pena. mas quando é de confissão sempre fica curiosidade de saber mais sobre o personagem.

    Adorei seu blog. Tenho uma página literária e uma de confissão. Se puder, dá uma passada lá.

    Uma ótima quarta-feira,
    Abraços!!!

    http://redutonegativo.blogspot.com
    http://cafeeagua.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. sua escrita, repleta de ações nada nominal, le lo é como um realejo girando e transformando movimento em música. Não preciso falar que gostei né?! Fiquei feliz que veio me visitar, assim pude te descobrir.
    Keep writing,
    beijos.

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Adorei seus textos
    Seu blog é lindo
    Irei seguir, me segue tbn?!

    Beijos
    http://bruhworspite.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. ... E talvez ela seja, um pouco de mim, um pouco de você, um pouco de nós...
    APENAS DEIXE FLUIR!
    Rápido, delicioso e divertido. Uma carência de lineariedade que gera uma inclusão e adequação na sociedade imediatista atual.
    Hoje? Conturbação informacional é o que há! Porém este texto é limpo. Formidável. Adorei!

    ResponderExcluir
  6. Muito legal seu texto legal adorei

    ResponderExcluir
  7. Blog muito interessante! As postagens muito contextualizadas!
    Parabéns também pelo Designer!

    ResponderExcluir
  8. Com certeza o futuro está na educação, mas o bom futuro depende do presente!

    Gostei do seu blog, estou seguindo. Beijos!

    flaviajaine.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Te lendo, adorei. Gosto muito das suas ideias e palavras. Parabéns!

    ResponderExcluir
  10. Gostei muito do texto, e de todo seu blog, o visual. Realmente muito bom.
    parabéns, estou te seguindo. se puder me segue de volta.

    http://diaryoadolescente.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Seu blog é muito interessante...
    Estou te seguindo.... Tenha um Lindo Dia!
    Siga meus Blogs: http://cartasdeumcoracao.blogspot.com/
    E http://deusemminhaalma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Gostei muito viu
    to te seguindoo
    parabens pelo blog
    www.jmphotosnet.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Adorei esse blog,amigaa!!!
    Lindo lindo!
    Excelente post tbm.
    parabéns.

    Bella
    http://falaemulher.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Olá, tem um selo p/vc em meu blog!
    Espero que goste :))

    ResponderExcluir
  15. Oi Aline,adorei seu blog e obrigado pelo comentário no meu blog!

    ResponderExcluir
  16. Gostei muito do seu texto muito mesmo ... venho lhe comunicar que o meu blog vai passar por algumas mudanças e pra melhor conto com as suas visitas, as mudanças difinitivas estarão visiveis na Segunda-feira. Obrigado e sucesso!

    ResponderExcluir
  17. Q Blog bonito de se ver
    PARABÉNS
    Siim
    Li o texto e achei Muito bonito
    Vc se expressa muito beem
    PARABÉNS

    ResponderExcluir
  18. Essa desapegada deve ser você...

    Acho que sou um pouco assim também...

    ResponderExcluir
  19. ótimo texto bem poético, romântico e sincero....

    ResponderExcluir
  20. Achei seu blog mt interessant e estou seguindo-o!

    qnd tiver um tempinho, de uma passadinha no meu?


    bjooos

    http://cabecafeminina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. Nossaaaa mtoooo mtooo bom o blog!!! ameiii!! *-* parabéns! estou seguindo! qndo tiver um tempinho.. passa lá no meu tbm! bjs

    http://woopsbloops.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  22. Muito bom, adoreei esse texto ^^

    ResponderExcluir
  23. Ah, queria saber escrever tão bem assim.

    ResponderExcluir
  24. Ah, queria saber escrever tão bem assim².

    ResponderExcluir
  25. Me encanta leer tus narrativas. Muy buenas.

    Un beso grande desde Galicia

    Gracias por tus visitas

    ResponderExcluir